Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Genny

Hoje, a hipocrisia doeu.

 

Hoje, a hipocrisia doeu. 

A revolta do não, pronto na ponta da lingua, perante a tua mão estendida por uma moeda para o pequeno almoço. Tenho fome! Ajude-me com uma moeda para eu ir comer. Tinha poucas, não sei se do teu lado sabiam a muito. Mas doeu. Fez doer os olhos que verteram lágrimas de impotência. Fez doer a alma que duvida sempre do objectivo da moeda.

Um sabor amargo no corpo, tal qual o sabor hipócrita da café com o bolo, do sabor do prato da sopa com a sobremesa.

Hoje, a hipocrisia doeu...

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.